China: imperdível!

Eu nunca imaginei ir para a China. Não porque me parecia um destino chato. Simplesmente porque não me atraía. Tinha outras prioridades!

Comecei a pensar nas minhas férias deste ano e China não estava entre as opções. Até que meu pai veio com essa proposta. Queria mesmo viajar com companhias diferentes e topei.

No início, fiquei com medo de minha decisão. Viajar com os pais E ir para a China parecia um tanto ousado. Mas foi só começar a pesquisar que vi que tinha tomado a decisão certa! Comecei a me apaixonar pela China!

Tolinha. Mal sabia o que ia encontrar pela frente.

A China é absolutamente espetacular! Imperdível.

(Templo do Céu, em Pequim. Mágico!)

Sério. Ainda mais para quem só viajou para as bandas de cá.

(Guerreiros de Terracota, em Xi'an)

Lá é tudo tão diferente! E tão mágico! Praças, jardins, arquitetura, muita gente, pobreza e riqueza, tradição e modernidade.


Foi de tirar o fôlego!

Como vi e fiz muita coisa, fica difícil falar sobre tudo, mas seguem algumas sugestões/observações:

1. A não ser que você seja muito aventureiro, ultrapaciente e excelente em mímica, vá com guia. Lá não se fala inglês. Mas não é que as pessoas falem pouco. Eles não falam nada. Você entra em um restaurante e o cara não entende 'water'. Sério. E isso pode ser muito irritante. O guia também é fundamental durante os passeios. Seja para comprar as entradas, saber qual o banheiro mais limpo ou dar as explicações dos monumentos (fora que ele conhece as dezenas de lendas, mitos e histórias chinesas). Eu, que detesto viajar com esses grupos, adorei ter ido com guia pra China. Tudo bem. Pode ser que você não possa passar todo o tempo que quer em determinado lugar, mas eu achei que compensou;


2. A comida é ruim. Ruim mesmo. Não é que só haja escorpião e bicho-da-seda (eca!). Há coisas comestíveis. Tem macarrão e rolinho à primavera, mas o tempero é diferente. Tem também uma tonelada de fritura e muita raiz/verdura diferente. Para mim, sempre faltava tempero. E, depois, demorava horas para digerir a comida. E nem os fast foods da vida eram lá essas coisas. Claro, em Xangai você tem excelentes restaurantes, mas lá é só uma das cidades da viagem. Uma coisa curiosa: eles comem as coisas de um jeito particular, digamos. Adoram um pepino cru (no lugar da barrinha de cereal) e comem até coentro puro como lanche;


3. A galera lá é muito magra. Muito! Coisa boa, né?! Tudo bem que às vezes é uma magreza exagerada, meio feia, mas que maravilha não ter que se preocupar com dobrinhas ou dieta!!!! Na Zara de lá, o MAIOR número de calça feminina era 38. De doer!;

4. Eles são obcecados com casamento e sogra. Todos os guias, sem exceção, gastaram dezenas de minutos contando histórias sobre relacionamento;

5. Esqueça o táxi. Sério. Foi a coisa mais irritante em todas as cidades chinesas. E, quando digo irritante, digo IRRITANTE! Há muito mais gente do que carros disponíveis - e o governo controla as licenças. E eles morrem de medo de pegar um turista como passageiro, simplesmente porque a comunicação é impossível e a chance de dar problema é maior. Por isso, procure conhecer as linhas do metrô. Rápido, prático e fácil;

6. Lá não existe quarto triplo. Você pode até ficar em um (coisa que fiz), mas eles vão colocar uma cama daquelas desmontáveis, que, muitas vezes, são um horror;

7. Eles se vestem mal. Quer dizer, digo isso pensando na nossa moda. É brega, estranho. É um ousado que deu errado. :);

8. Em Pequim, muitos edifícios não têm o 4o andar. É que a pronúncia do número quatro é quase igual à pronúncia da palavra morte. Cruzes!;

9. A tão falada Muralha da China é muito mais do que qualquer um de nós pode imaginar! Não há foto, livro, documentário ou música que consiga passar o que é a muralha. Estar lá é incrível. Você sente na pele. Não é à toa que está na lista das Maravilhas do Mundo!;


10. E minha principal sugestão: se puder, não fique no esquema mais básico, que é Pequim, Xi'an e Xangai. Eu fui também para Guilin (onde fica o rio Lijiang, conhecido mundialmente pela beleza de suas paisagens), Hangzhou (conhecida como "Paraíso na Terra". E é mesmo. Uma cidade agradável, cheia de parques e bosques, um lago lindo, um píer cheio de restôs e muitas atrações) e Suzhou (conhecido como a Veneza do Oriente).

Enjoy!

Comentários

Postagens mais visitadas