Sopa de ossobuco com cogumelos

Não sei se já falei aqui, mas detesto sopa. Quer dizer, detestar é uma palavra muito forte. Eu não curto sopa. Não rola. Afinidade zero. Sabe quando duas pessoas não se entendem? Quando a energia não flui? Pois é. É bem assim nossa relação (ou falta de).

Para mim, ela tem cara de comida de doente (e confesso que ela deve me achar uma tremenda de uma sem noção). Mas, graças ao Deus da sopa (ou a quem inventou o prato), há exceções.

Uma delas é a sopa de ossobuco com cogumelos. Sério. Parece aquele caldo de risoto, só que melhorado, mais encorpado, quase um creme de tão aveludado.

Foi ao perceber que uma sopa pode ser uma refeição decente, mesmo quando não se está doente (rimou!), que mergulhei de boca nesta receita. Se você goste de sopa, então vai surtar.

Porque com esta delícia aqui seu mundo nunca mais será o mesmo!

Sopa de ossobuco com mix de cogumelos

Ingredientes
Caldo
4 peças de ossobuco (osso com cerca de 4cm de altura)
Farinha de trigo para empanar
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de óleo
1 cebola
2 talos de salsão e as folhas de 1 talo
2 cenouras
6 ramos de tomilho
2 tomates pelados italianos sem semente (enlatados)
1/2 xícara (chá) de vinho tinto seco
2,5 litros de água
Azeite a gosto
Sal
Pimenta do reino

Cogumelos e montagem
100g de colgumelos Paris
100g de cogumelos eryngui (se não encontrar, use qualquer outro de sua preferência)
1 dente de alho
4 colheres (sopa) de ossobuco desfiado (você vai aproveitar o ossobuco usado no caldo)
1/2 colher (sopa) de suco de limão
Azeite
Sal
Pimenta do reino

Modo de preparo

Para o caldo, lave os talos e as folhas do salsão, as cenouras e os ramos de tomilho. Corte as cenouras em rodelas bem grossas e os talos em pedaços de 5cm. Descasque a cebola e pique fininho. Pique também o tomate italiano.

Cubra o fundo de um prato raso com farinha. Tempere a carne com sal e empane, pressionando levemente com as mãos dos dois lados. Leve uma panela de pressão, com capacidade mínima para 6 litros (eu fiz em panela normal e deu certinho. Só levou um pouco mais de tempo), ao fogo médio e coloque metade da manteiga e do óleo. Assim que derreter, coloque dois filés e doure bem dos dois lados. Transfira para um prato e repita o procedimento com as outras duas peças.

Volte a carne para a panela e adicione o vinho, a cebola, a cenoura, o tomate, as folhas e talos de salsão e 2 ramos de tomilho. Misture bem até o vinho secar. Adicione a água, tempere com sal e pimenta e feche a tampa. Quando pegar pressão e começar a apitar, deixe cozinhar por 1 hora (eu gastei uns 20 minutos a mais).

Desligue o fogo e deixe o vapor sair completamente, antes de abrir a panela. Com uma espátula, retire as peças de ossobuco e transfira para um prato. Deixe esfriar um pouco e, com as mãos, desfie a carne. Reserve os ossos para decoração (eu fiquei com preguiça e não fiz essa parte).

Separe 4 colheres (sopa) da carne desfiada. Guarde o restante na geladeira por até três dias (e use para fazer uma salada, por exemplo, ou comer no meio daquele pão de sal quentinho). Transfira o caldo para uma panela menor, passando por uma peneira. Descarte o que ficou na peneira.

Para os cogumelos, primeiro, fatie-os. Descasque o alho.

Leve uma frigideira ao fogo alto e, quando estiver bem quente, regue com 1/2 colher (sopa) de azeite. Junte o alho, o cogumelo Paris e mexa com uma colher até dourar. Tempere com sal e pimenta. Transfira para um prato e repita o processo com o outro cogumelo. Ao final, descarte o dente de alho (ele serve para aromatizar o azeite).

Enquanto isso, em uma tigela, bata com um garfo 1/2 colher (sopa) de suco de limão com 1 1/2 colher (sopa) de azeite. Tempere com sal e pimenta e misture as 4 colheres (sopa) de carne desfiada.

Leve ao fogo médio a panela com o caldo e junte os cogumelos. Quando ferver, desligue o fogo (viu que dá para fazer o caldo antes e só terminar a preparação no dia, né?).

Com uma concha, distribua o caldo nos pratos. Coloque um osso no meio de cada prato (percebeu que rende 4 porções, né?) e, por cima, coloque 1 colher (sopa) do ossobuco temperado. Decore com 1 ramo de tomilho e sirva.

Comentários

Postagens mais visitadas